Dados vermelhos com as letras N, F e T
12 de março de 2022Categoria: Inovação, Mercado

Nos últimos anos nossa sociedade tem experimentado profundas modificações em seus diferentes setores, sendo que a cada momento surgem novas tecnologias as quais trazem consigo oportunidades de investimentos. Nesse sentido, entender o que são NFTs ajuda você a aproveitar melhor esse cenário.

Sendo assim, buscamos desenvolver um material completo, com o objetivo de ajudar você a ter mais propriedade sobre o assunto.

Dessa forma, em nosso artigo vamos trazer informações para deixar mais claro o que são NFTs, formas de investir neles e vamos procurar entender, em detalhes, por que essa é uma estratégia vantajosa e que pode trazer bons lucros.

Sendo assim, continue conosco até o final, expanda seu conhecimento e as suas possibilidades de usar a tecnologia para aumentar suas receitas.

Como a tecnologia afeta nossa economia e relações sociais?

Ilustração de silhueta de cabeça humana, relação com inteligência artificial

Os últimos anos foram muito importantes quando falamos sobre o surgimento de novas tecnologias e implementação desses recursos em nosso dia a dia. Inovações como:

  • smartphones;
  • internet;
  • redes sociais virtuais;
  • serviços de streaming online;
  • smart TVs;
  • bancos digitais;
  • e muitos outros.

São exemplos de algumas novidades que surgiram em um espaço relativamente curto de tempo, mas que se fazem cada vez mais presentes em nossas rotinas.

Cada uma delas contribui de forma direta para a economia, tornando possível a criação de emprego e renda. Também de maneira indireta, tais inovações acabam por dar suporte para que outras possam operar.

Exemplo disso é a digitalização dos bancos, o qual permitiu mais comodidade, principalmente com o surgimento do PIX, meio de pagamento virtual e instantâneo.

Sem contar com os avanços na área da medicina, os quais possibilitam não apenas mais comodidade, mas também melhoria na qualidade de vida, abrindo espaço para novos mercados.

Além, é claro, de trazer novas possibilidades de interações sociais, facilitando e dando mais praticidade e agilidade às nossas tarefas.

Nesse contexto, outras promessas as quais já começam a ser inseridas em nosso cotidiano são:

  • impressão em 3D;
  • inteligência artificial;
  • realidade aumentada;
  • internet das coisas médicas;
  • telemedicina.

Dessa forma, percebemos que “mudança” é uma das poucas certezas que temos em nossa sociedade.

Tecnologia e geração de empregos

Ainda, toda essa revolução a qual experimentamos atualmente faz surgir um crescente número de novos profissionais, como:

  • Engenheiro de Dados;
  • Cientistas de Dados;
  • Gestores de Mídias Sociais;
  • Especialistas em Inteligência Artificial;
  • Engenheiros de Cibersegurança;
  • e outros.

Nesse cenário, em uma realidade como a que enfrentamos, um aspecto importante, para o qual devemos nos atentar, está relacionado à necessidade de buscarmos cada vez mais nos adequarmos a essas mudanças e implementá-las em nosso dia a dia.

Isso permite não apenas acompanharmos a revolução que está ocorrendo, mas extrair dela facilidade, economia, agilidade, lucratividade e eficiência.

O crescimento do mundo dos ativos digitais

Sendo assim, outras transformações que estão acompanhando esse ritmo acontecem na esfera dos ativos digitais. Eles podem ser entendidos como conteúdos presentes em diferentes plataformas onlines, como imagens, textos, vídeos, dentre outros, que tragam em si algum valor para o mercado.

Antes, logo quando surgiu, era muito difícil se ouvir falar de criptomoedas ,tokens e blockchain, por exemplo. Mas hoje é possível até, da sua própria casa, você acessar uma corretora de produtos digitais, podendo adquiri-los.

Eles estão se mostrando tão importantes que até mesmo grandes empresas estão apostando nessa estratégia para diversificar seus investimentos. Por exemplo, a Ferrari há pouco tempo assinou contrato com a Velas Network, que atua na área de blockchain.

Nesse contexto, torna-se muito importante uma conversa mais aprofundada sobre NFTs. Entender o que são NFTs e aspectos relacionados às suas particularidades permitirá que você possa expandir suas possibilidades de investimento.

Sendo assim, ajudar você a encontrar novas formas de adquirir renda também é o propósito do nosso artigo. Nas próximas linhas, conversaremos um pouco mais sobre esse assunto.

O que são NFTs?

Placa com a inscrição NFT

NFTs é a sigla em inglês para o termo “non-fungible tokens”, ou seja, “símbolos não fungíveis”, em uma tradução literal, ou ainda “tokens não fungíveis”. Trata-se de um ativo financeiro existente apenas no meio digital.

Inicialmente, você pode sentir um pouco de dificuldade em entender como ele, de fato, funciona. Mas vamos abordar de uma forma bastante didática para que tenha domínio sobre seu conceito.

Então, para que a gente entenda o que são NFTs com mais facilidade, vamos analisar as palavras que compõem essa expressão.

Nesse sentido, a gente pode entender por “tokens” a representação de um determinado bem. Isso vale tanto na área física quanto digital. Sendo assim, um token, tratando-se de ativos digitais, são representações armazenadas em blockchain.

Tratando agora do termo “fungíveis”, quer dizer que não são únicos, ou seja, podem ser substituídos por outros de igual espécie. Exemplo de algo fungível é o dinheiro, visto que você poderá, por regra geral, trocar uma cédula por outra igual que terá o mesmo valor. Para ilustrar, podemos usar o caso de duas cédulas de R$ 50,00.

Sendo assim, tokens não fungíveis são representações únicas, que não podem ser trocadas por outras semelhantes. Dominar esses conceitos vai ajudar você a saber mais sobre o que são NFTS.

Para que NFTs servem?

Nesse sentido, para entender o que são NFTs é importante também saber como eles servem. Tal conceito é utilizado em certos itens para conferir a eles condição de originalidade e exclusividade.

Então, ao adquirir algo com essa tecnologia, você terá certeza de que ele é algo único. Isso vale até mesmo para memes da internet, ou seja, imagens de teor cômico que costumam ser compartilhadas em redes sociais.

Ao tê-las sob forma de NTFs, você terá a certeza de que aquele arquivo é o único e genuíno. Por exemplo, uma dessas imagens muito comuns é de uma garotinha sorrindo para câmera com uma expressão sarcástica, enquanto ao fundo uma residência arde em chamas.

Essa fotografia, ficou comumente conhecida como “Disaster Gril”, foi tirada em 2005, transformada em NFT e vendida por US$ 473 mil. Transformando em reais pela cotação atual (US$ 1.00 equivalendo a R$ 5,08), teríamos cerca de R$ 2.048.489,30.

Outro meme famoso transformado em NFT foi o conhecido como “Namorada Ciumenta”. Trata-se de uma fotografia de uma garota vestindo camisa verde e olhar vidrado na tela.

Ele surgiu a partir de vídeo feito por Laina Morris, com o propósito de homenagear Justin Bieber, sendo usado nas redes desde 2012. Ao ser transformado em NFT, a imagem pode ser negociada por US$ 411 mil, ou seja, cerca de R$ 2.089.154,10 na cotação atual.

Como você pode perceber, agregar essa tecnologia a uma imagem serve também para que ela possa se valorizar e ser negociada no mercado.

Como a tecnologia de NFT funciona?

Nesse momento, uma pergunta que você pode estar se fazendo é:

  • Como imagens que podem ser facilmente obtidas e compartilhadas nas redes sociais podem passar a serem únicas e tão valorizadas?

De maneira objetiva, podemos entender com a tecnologia NFT sendo como um tipo de assinatura digital que confere ao arquivo características de um bem não fungível.

Isso porque foram criados mecanismos os quais possibilitam que, por meio de criptografia, sejam criados padrões individualizados, os quais não poderão ser modificados em toda a existência do token.

Como exemplo disso temos o ERC-721, criado especificamente e utilizado pela rede Ethereum. Então, ele consiste em uma tecnologia que possibilita a criação de tokens únicos, os quais não podem ser deteriorados tampouco destruídos.

Ainda, por meio dele é possível dotar cada mídia de exclusividade, tornando possível que eles sejam colecionados. Dessa forma, ele torna possível a existência e comercialização de obras famosas, denominadas de criptoarque.

 Nesse contexto, o ERC-721 detém algumas características, a saber:

  • cada token deve ter um nome;
  • estabelece um símbolo o qual permite que DApps acessem a abreviatura do nome do token;
  • também deve conter campo específico de “funções de proprietário”, as quais vão servir para definir a propriedade e modos como a transferência pode ser realizada;
  • foi posto no ERC-721 um campo denominado “aprovação”, o qual concede a outras entidades a possibilidade de transferir o token, fazendo isso em nome do proprietário;
  • nele foi posto também o campo “transferir”, o qual permite que o token seja enviado para outros usuários, assim como acontece com criptomoedas.

Nesse sentido, além da criptografia, existe toda uma estrutura que visa justamente garantir não apenas a exclusividade, mas também a manutenção da posse e propriedade do ativo digital.

Entender sobre esse funcionamento também auxilia para que você tenha mais propriedade em saber o que são NFTs.

Quais as diferenças e relações entre NFTs, criptomoedas e blockchain?

Versão física de criptomoedas

Nesse sentido, como são tecnologias novas, muitas pessoas podem confundir o conceito de NFTs, criptomoedas e blockchain. Para que você tenha mais segurança quanto ao que são NFTs, dominar a ideia desses outros itens evita que você tome decisões equivocadas.

Criptomoedas são arquivos digitais que podem ser usados como alternativa de investimento. Então, nesse ponto percebemos similaridade com os NFTs.

Mas, diferentemente deles, elas consistem em moedas digitais, que não existem fisicamente, não sendo controladas por países nem órgãos específicos, sendo totalmente descentralizadas.

Já o blockchain trata-se de uma tecnologia que vem para permitir mais segurança tanto para os NFTs quanto para as criptomoedas. Trata-se de um banco de dados formado por blocos interconectados.

Cada um deles possui uma referência ao anterior, a qual é chamada de hash. Nesse contexto, é importante frisar que ela tem uma sensibilidade muito grande. Sendo assim, caso o bloco anterior sofra algum tipo de alteração, ela será invalidada.

Outra característica importante dos NFTs está relacionada à sua imutabilidade. Ou seja, nele podemos incluir quanta informação for necessária, mas elas não poderão ser modificadas ou removidas.

Lembra-se que comentamos sobre as referências e sensibilidade às mudanças? Quando existem alterações e tentativas de se mexer em algum deles, a referência acaba sendo perdida e a corrente entre os blocos é quebrada.

Outra característica importante do blockchain é que ele fica em um banco de dados descentralizado. Eles trabalham em conjunto com o propósito de manter o funcionamento desse banco de dados.

Alguns blockchains ainda são públicos e permitem o acesso de qualquer usuário a eles. 

Como e onde comprar NFTs?

Então, agora que você já sabe o que são NFTs, está pensando em adquirir alguns? Atualmente eles são comprados em marketplaces virtuais específicos, alguns deles são:

  • OpenSea;
  • Solanart;
  • Coinbase NFT;
  • FTX NFTs;
  • Binance NFT;
  • Mercado Bitcoin.

Para adquirir um NFT, basta fazer o cadastro na plataforma e ter saldo para realizar a compra. Nesse contexto, é importante lembrar que a negociação costuma ser feita em criptomoeda, portanto, você deverá adquiri-las antes de fechar negócio.

O Mercado Bitcoin é o exemplo de uma plataforma que disponibiliza tanto a compra de NFTs quanto a compra de criptomoedas.

Qual a forma que NFTs podem ser criados?

Desginer desenvolvendo uma ilustração

Então, se saber o que são NFTs gerou a curiosidade de entender como eles podem ser criados, contaremos a você nas próximas linhas.

A primeira coisa que você precisa entender é que qualquer pessoa pode criar um NFT. Afinal, eles podem surgir por meio de:

  • fotografias;
  • artes em editores de imagem;
  • músicas;
  • itens de jogos online;
  • cartões e itens colecionáveis.
  • entre outros itens.

De posse do arquivo que você deseja transformar em um NFT, agora é preciso ter cadastro em uma plataforma que realize o procedimento. A Ethereum é uma das mais populares.

Geralmente é cobrado um valor de cerca de US$ 70.00 para cadastrar o item como NFT. Sendo assim, elabore um plano no qual possibilite que você recupere o valor investido.

Nesse sentido, geralmente a criação de NFTs costuma seguir os seguintes passos:

  • escolha da plataforma;
  • configuração da carteira digital que será usada (Metamask é bastante utilizada);
  • transferência do valor necessário para a carteira;
  • pagamento dos valores relacionados à mineração (isso permitirá criar o seu NFT);
  • escolha da plataforma que será usada para negociar o seu NFT (a OpenSea é muito usada para essa finalidade);
  • realização do upload do documento;
  • definição do preço que você vai cobrar pelo seu NFT (existe a possibilidade de ser preço fixo ou leilão).

Lembre-se que, apesar de qualquer pessoa poder criar um NFT, é necessário que você atribua valor ao seu produto. Esse conhecimento também faz parte do entendimento do que são NFTs. 

Por que NFTs pretendem mudar o mundo?

Embora seja um produto e investimento relativamente novo, NFT carrega consigo a possibilidade de trazer mudanças profundas em nossa sociedade. E o mercado de investimento está cada vez mais discutindo sobre o assunto.

Mas não é somente isso, a cada dia cresce o número de negociações feitas neste tipo de ativo. Atualmente já podemos contar com plataformas exclusivas, voltadas para o registro e sua respectiva comercialização.

Segundo dados publicados pela DappRadar, somente eles conseguiram movimentar cerca de US$ 21 bilhões em 2021 em NFTs.

Ainda, com o surgimento do metaverso — mundo virtual o qual busca replicar nossa realidade, por meio da realidade virtual, aumentada e internet das coisas —, negociações nessa tecnologia tendem a ficar cada vez mais comuns.

Quais as vantagens de investir em NFTs?

Moedas saindo de um jarro

Dentre os benefícios de investir nessa tecnologia temos a acessibilidade e baixo valor para que artistas possam registrar obras que tenham produzido. Isso, para quem produz.

Já para quem vai adquirir, é ter a certeza que terá acesso a uma mídia digital única. Sendo também um mercado que tende a crescer cada vez mais, já que a busca por esse tipo de produto aumenta continuamente.

Outra vantagem é que os NFTs estão sendo usados como carteirinhas de clubes estilizadas. Isso porque, muitos clubes estão agregando essa utilidade a obras de artes digitais.

Nesse contexto, permite que seus compradores sejam também sócios, participem de salas exclusivas no Discord, de grupos de jogos, dentre outros. Ou seja, ele veio para legitimar a posse de um produto digital.

Assim, confere a propriedade para itens existentes apenas no ambiente eletrônico, algo que até pouco tempo era difícil de acontecer.

Quais os cuidados necessários ao escolher o NFT que você vai adquirir?

Uma dica importante que vai ajudar você em sua decisão de investir em NFTs, seja como produtor ou adquirente, é saber que eles podem ser classificados em:

  • Artes: obras digitais que podem ser produzidas puramente em código ou outros meios;
  • Colecionáveis: itens pertencentes a uma determinada coleção, como cartas colecionáveis de esportes;
  • Jogos: aplicativos de jogos e itens que podem ser comercializado dentro deles;
  • Conteúdo multimídia: blogs, músicas, memes, tweets, dentre outros conteúdos digitais.

Feito isso, uma dica é entrar nos diferentes marketplaces e buscar por aqueles que mais agradam esteticamente.

Mas, se você deseja algo para investir, é interessante optar por outras estratégias.

Uma dica também é estar de olho no mercado e procurar entender quais são aqueles que podem se valorizar no futuro.

Também investir em coleções que já estejam desenvolvidas e sejam alvo de interesse pode render, no futuro, muito retorno. Isso porque, ela terá mais chances de se valorizar, trazendo retorno financeiro no caso de ser vendido posteriormente.

Como o metaverso mostra-se uma tecnologia cada vez mais promissora, NFTs que possam ter relação com ele, principalmente no futuro, pode ser uma estratégia viável.

Na verdade, como é um ambiente novo, saber qual o melhor investimento é um grande desafio.

Boa parte dos palpites são mais especulativos, porém, é inegável que com os atuais rumos que a tecnologia está tomando, ele tende a ser cada vez mais presente em nosso cotidiano, inclusive no mercado.

Perceba que esse tende a ser um investimento que deve ser realizado pensando-se no retorno em longo prazo.

Ainda, cuidado com altas momentâneas em alguns produtos. Isso porque, existem NFTs que podem sofrer modificações em seus valores por conta de euforias no mercado.

Dominar essa informação é outro passo importante para que você entenda o que são NFTs.

Quais os golpes relacionados a essa tecnologia?

Ao operar no mercado de NFTs, é importante que você se proteja de ações fraudulentas de terceiros. Isso porque, mesmo ainda sendo uma tecnologia nova, pessoas já estão se aproveitando para tirar vantagem de forma ilegal.

Como os valores desses produtos digitais costumam ser bem elevados, isso torna a ação ainda mais atrativa para criminosos. Um deles é quando realizam o plágio. Nele, o criminoso rouba a arte, transforma em NFTs e vendem posteriormente.

Sendo assim, cabe deixar claro que o fato de alguém transformar uma determinada obra em NFTs não quer dizer que a propriedade intelectual da obra seja dela.

Também está se tornando comum utilizar influenciadores falsos como representantes do projeto. Ou seja, o golpista, em sua campanha de marketing, usa o nome de alguma celebridade para atrair a atenção do público.

Ainda temos o golpe do suporte técnico. Nele a pessoa entra em contato se identificando como responsável pelo representante de atendimento ao cliente relacionado ao projeto de NFT.

Feito isso ele pede informações pessoais e confidenciais. O objetivo aqui é ter acesso à sua carteira digital e roubar todos os ativos. Uma dica importante para evitar que você caia em golpes como esse é desconfiar de lucros exorbitantes.

Também busque saber quais os contatos oficiais dos responsáveis pelo projeto e busque realizar toda comunicação por eles.

NFTs: tecnologia com potencial de grandes retornos, mas que exige atenção

Pessoa analisando informações no celular e no notebook

Como percebemos ao longo do nosso artigo, espera-se que o mercado de NFTs se expanda cada vez mais. Isso devido, principalmente, a possibilidade de lucros nele existentes.

Nesse sentido, entender seu funcionamento e o que são NFTs contribui para que você tenha mais segurança ao atuar nesse segmento.

Além dessas vantagens, o fato de cada arquivo ser único é outro atrativo. Isso porque, essa característica traz a questão da exclusividade. O que, de um lado, chama a atenção de quem investe na tecnologia e, por outro, garante mais segurança ao se adquirir NFTs.

Ainda, temos a questão da utilidade, já que ele pode se atrelar a outras funcionalidades. Como é o caso de clubes de esportes que usam NFTs como forma de conceder perfil de sócio para quem adquire ativos.

Outra vantagem é a possibilidade de diferentes mídias poderem ser transformadas em NFTs, como, por exemplo:

  • textos;
  • músicas;
  • fotografias;
  • e jogos.

O que amplia as possibilidades para quem deseja apostar nesse tipo de investimento.

Mas sempre é bom lembrar que é preciso ter cuidado ao escolher um ativo digital, seja para registrar, seja para adquirir. Lembre-se que desembolsos serão necessários em ambas as situações. Então, defina de forma clara os seus objetivos.

Também, para que você faça escolhas certas, não basta apenas saber o que são NFTs, mas buscar o máximo de informações possíveis sobre elas. Isso permite, inclusive, evitar que você seja vítima de golpes.

E então, entendeu o que são NFTs? Já está pronto para investir nessa nova oportunidade? Que tal aproveitar para compartilhar nosso artigo em suas redes sociais? Seus amigos também merecem aproveitar essa oportunidade!

Veja também

23 de dezembro de 2021

Por que investir em produção de conteúdo audiovisual?

O consumo de vídeo nunca foi tão elevado no Brasil. De acordo com uma pesquisa da Kantar IBOPE Media, 99% […]

Leia mais
18 de abril de 2022

Conheça o Chroma Key e suas possibilidades de efeitos visuais

A tecnologia vem revolucionando. Nesse sentido, a criação de vídeos e outros trabalhos audiovisuais, por exemplo, são um dos tipos […]

Leia mais
05 de agosto de 2022

O que é realidade aumentada e como aplicar no marketing da sua empresa?

Nos últimos anos, vem acontecendo uma grande revolução causada pela tecnologia. A cada dia, surgem novas ferramentas que transformam o […]

Leia mais